Porto Iracema divulga últimos resultados para cursos remotos do Programa de Fotopoéticas

“Pontes sobre abismos”, de Aline Motta, 2017.

Estas são as últimas listas de selecionados para a primeira oferta de cursos remotos da Escola em 2021. As aulas serão online e acontecerão nas próximas duas semanas

A Escola Porto Iracema das Artes divulga nesta quinta-feira, 11, os dois últimos resultados dos processos seletivos para a primeira oferta de cursos online deste ano. Já pode ser conferida a relação dos selecionados e suplentes para o curso “Fotografia e memória: a água é uma máquina do tempo”, com Aline Motta, e para a formação “Outras imagens: um panorama da fotografia de autoria negra brasileira”, com Deri Andrade, ambos do Programa de Fotopoéticas. A divulgação ocorre após mudança no calendário de resultados pela coordenação do Programa de Formação Básica, conforme divulgado em 22 de fevereiro, e na prorrogação das inscrições para o segundo curso.

Confira o resultado clicando no curso desejado:

A formação “Fotografia e memória: a água é uma máquina do tempo” acontecerá nas próximas terças e quintas-feiras dos dias 16, 18, 23, 25 de março, das 18h às 20h, totalizando uma carga horária de 8h/aula. Nos encontros, conforme a ementa, será feita uma imersão nos processos criativos da artista visual e ministrante, sendo oferecidas ferramentas e estratégias para o desenvolvimento de pesquisas artísticas. O requisito era ter alguma experiência anterior com fotografia e/ou artes visuais.

“Outras imagens: um panorama da fotografia de autoria negra brasileira” será nas segundas e quartas-feiras dos dias 15, 17, 22 e 24 de março, também das 18h às 20h, com 8h/aula. O curso propõe uma discussão sobre a atual produção artística no país, apresentando um panorama da fotografia brasileira e as criações de artistas negros/as/es a partir do mapeamento do Projeto Afro.

Todas as formações serão online e síncronas, com emissão de certificados de participação. O Programa de Formação Básica da Escola Porto Iracema das Artes prioriza, em todas as seleções, alunos (as) ou egressos (as) do Ensino Médio de escolas públicas, residentes do Ceará, entre 16 e 29 anos.

“Desejo reprimido”, de soupixo.

Matrícula

Devido à pandemia do novo Coronavírus, o processo de matrícula será online. Após a divulgação dos resultados, a pessoa selecionada não precisa comparecer à Escola. A secretaria entrará em contato com o(a) participante, no e-mail informado no ato da inscrição, e enviará o Termo de Aceite para matrícula. O link para acesso à sala de aula online, na Plataforma Zoom, também será enviado para esse e-mail.

Sobre Deri Andrade

Deri Andrade, alagoano radicado em São Paulo, é mestrando em Estética e História da Arte (Programa de Pós-Graduação Interunidades em Estética e História da Arte da Universidade de São Paulo), pesquisador e jornalista (Centro Universitário Tiradentes – Unit), especialista em Cultura, Educação e Relações Étnico-raciais (CELACC – Centro de Estudos Latino Americanos sobre Cultura e Comunicação USP). Interessa-se pelo conceito de arte afro-brasileira, investigando a correlação entre conteúdo e forma presente nas poéticas de artistas negros/as/es. Desenvolveu a plataforma Projeto Afro (www.projetoafro.com), resultado de um mapeamento de artistas negros/as/es em âmbito nacional, por entender que a arte é um importante campo de disputa e também instrumento catalisador na luta antirracista. Tem passagens por instituições culturais, entre elas o Museu de Arte Moderna de São Paulo (atualmente), a Unibes Cultural e o Instituto Brincante.

Sobre Aline Motta

Nasceu em Niterói (RJ), vive e trabalha em São Paulo. É bacharel em Comunicação Social pela UFRJ e pós-graduada em Cinema pela The New School University (NY). Combina diferentes técnicas e práticas artísticas, mesclando fotografia, vídeo, instalação, performance, arte sonora, colagem, impressos e materiais têxteis. Sua investigação busca revelar outras corporalidades, criar sentido, ressignificar memórias e elaborar outras formas de existência. Foi contemplada com o Programa Rumos Itaú Cultural 2015/2016, com a Bolsa ZUM de Fotografia do Instituto Moreira Salles 2018 e com 7º Prêmio Indústria Nacional Marcantonio Vilaça 2019. Recentemente participou de exposições importantes como “Histórias Feministas, artistas depois de 2000” – MASP, “Histórias Afro-Atlânticas” – MASP/Tomie Ohtake. Abriu sua exposição individual “Aline Motta: memória, viagem e água” no MAR/Museu de Arte do Rio 2020.

Sobre a Escola

O Porto Iracema das Artes é a escola de formação e criação em artes do Governo do Estado do Ceará, ligada à Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, sob gestão do Instituto Dragão do Mar (IDM). Criada em 29 de agosto de 2013, há sete anos desenvolve processos formativos nas áreas de Música, Dança, Artes Visuais, Cinema e Teatro, com a oferta de Cursos Básicos e Técnicos, além de Laboratórios de Criação. Todas as ações oferecidas são gratuitas.

SERVIÇO

O quê: Porto Iracema divulga últimos resultados para cursos online do Programa de Fotopóeticas

AULAS
– Curso “Fotografia e memória: a água é uma máquina do tempo”
Dias 16, 18, 23, 25 de março, das 18h às 20h (8h/aula)
– Curso “Outras imagens: um panorama da fotografia de autoria negra brasileira”
Dias 15, 17, 22 e 24 de março, das 18h às 20h (8h/aula)

 

Equipe de Assessoria de Comunicação do Porto Iracema das Artes | Texto: Pedro Victor Lacerda (estagiário) | Supervisão e edição: Raphaelle Batista | Publicado em 11/03/2021.