Porto Iracema recebe grupo de estudos sobre rasaboxes

Neste semestre, os encontros serão realizados no primeiro sábado de cada mês, com início em março

Um grupo de estudos voltado para o treinamento psico-físico de atores e performers iniciará no próximo sábado, 7 de março, na Sala de Teatro Sidney Souto do Porto Iracema das Artes. Conduzido pela atriz e performer Júlia Sarmento, o grupo terá encontros mensais e gratuitos, que acontecerão sempre das 14 às 18 horas. As inscrições serão feitas por ordem de chegada no primeiro encontro, inciando com uma hora de antecedência.

Baseado nos conceitos de Atletismo Afetivo, de Antonin Artaud, e das Rasas do Teatro Clássico Indiano, o rasaboxes é uma técnica desenvolvida nos Estados Unidos e ainda pouco conhecida no Brasil. Júlia Sarmento, que possui vasto currículo em artes cênicas, vem desenvolvendo pequisa sobre o rasaboxes desde 2013, quando passou a realizar tutorias, orientações, direções artísticas, cursos e oficinas com a técnica.

O grupo de estudos se dedicará ao desenvolvimento do estudo do rasaboxes, tanto em seu escopo conceitual quanto em seus desdobramentos teórico-práticos. Serão exploradas as possibilidades do rasaboxes como dispositivo de criação cênica, bem como campo de diálogo e pesquisa com outras áreas de conhecimento.

Os interessados em participar do grupo devem ter experiência prévia com o tabuleiro, mesmo que pouca, e apresentar, no ato da inscrição, uma proposta de diálogo/criação/pesquisa para o grupo. No primeiro semestre deste ano, os encontros acontecerão nos dias 07 de março, 04 de abril, 09 de maio e 06 de junho.

Sobre Júlia Sarmento
Mestre em Artes pelo Programa de Pós Graduação em Artes da Universidade Federal do Ceará (UFC), Júlia Sarmento é formada pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio) nos cursos de Bacharelado em Interpretação e Licenciatura Plena em Artes Cênicas. Ao longo de 24 anos de carreira, trabalhou com Amir Haddad, Moacir Chaves e Fabianna de Mello e Souza, participou de cursos com Stephanie Brodt, Grupo Moitará, Odin Theater, Lume Teatro, João Fiadeiro, Andréia Jabor, Tadashi Endo, Léo Bassi, entre outros. Acumula vasta experiência como professora em escolas e centros culturais no Rio de Janeiro. Como pesquisadora acadêmica, investigou por sete anos (2002 a 2009) a formação do palhaço para ambientes hospitalares no Programa Enfermaria do Riso e participou por seis anos do grupo Mulheres de Artaud (2001 a 2006), onde pesquisou a linguagem do Teatro da Crueldade, de Antonin Artaud.

Desde 2013 vem desenvolvendo pesquisa sobre o rasaboxes. Atuou como professora de consciência corporal no curso de Belas Artes da Universidade de Fortaleza (Unifor) e foi coordenadora de Cultura e Arte, na área de formação, do CUCA Che Guevara entre 2011 e 2012. A longo de todo esse tempo, vem realizando tutorias, orientações, direções artísticas, cursos e oficinas de Palhaço, máscaras e rasaboxes em Fortaleza, Rio de Janeiro, São Paulo e Curitiba.

Sobre a Escola
O Porto Iracema das Artes é uma instituição da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, sob gestão do Instituto Dragão do Mar (IDM). Criada em 29 de agosto de 2013, há seis anos desenvolve processos formativos nas áreas de Música, Dança, Artes Visuais, Cinema e Teatro, com a oferta de Cursos Básicos e Técnicos, além de Laboratórios de Criação. Todas as ações oferecidas são gratuitas.

Serviço

O quê: Grupo de estudos sobre Rasaboxes, com Júlia Sarmento
Quando: Inicia no sábado, 07 de março, das 14 às 18 horas
Onde: Sala de Teatro Sidney Souto do Porto das Artes Iracema das Artes (Rua Dragão do Mar, 160 – Praia de Iracema, Fortaleza)
GRATUITO*
*Inscrições por ordem de chegada. Pré-requisito: ter conhecimento prévio ao rasaboxes, ainda que inicial.

Assessoria de Comunicação Porto Iracema das Artes | Lucas Casemiro
Publicado em 28/02/2020